Etnoliga

Organização

Fundação para a Liberdade (Fundacja dla Wolności)

Iniciativa

Etnoliga

Local

Varsóvia

Linguas

Polaco, Inglês

 

Grupo alvo

nacionais, imigrantes, homens e mulheres

Recursos

Recreio, bola, “jogadores”

Informação disponível em: https://www.etnoliga.org/

 

Descrição

O futebol é o jogo mais importante do mundo. Tem o poder de conectar pessoas independentemente da cor da pele, género ou religião. É este tipo de futebol que se joga no “Etnoliga”: para integrar migrantes, empoderar mulheres, promover fair play, quebrar estereótipos e aprender sobre outras culturas.

Em 2005 a Fundação para a Liberdade organizou um torneio para requerentes de asilo da Chechénia e África, estudantes Polacos. No ano seguinte novos grupos juntaram-se ao evento, Vietnamitas entre outros. No terceiro e quarto torneios eram já 12 equipas, incluindo representantes da comunidade judaica e apoiantes do Légia Varsóvia. Foi também o início da cooperação com jogadoras, introduzindo um mínimo de 3 mulheres em cada equipa. Devido ao grande interesse, em 2010 foi lançada uma liga sólida.

Os jogadores são pessoas que vivem em Varsóvia mas que são originárias de várias partes do Mundo: refugiados, empresários, estudantes, trabalhadores. As equipas são mistas: não há grupos só de nacionais; homens e mulheres jogam juntos. Os participantes preparam concursos, comida e atividades culturais. Um sistema de pontuação único recompensa o fair play e o compromisso. Os jogadores decidem por si próprios as regras para cada temporada mas cumprem sempre as regras principais, cada equipa tem que incluir no mínimo 3 homens, 3 mulheres e jogadores de pelo menos 3 nacionalidades diferentes. Cada equipa prepara uma apresentação (a forma de apresentação muda a cada época). Há também árbitros profissionais. Os jogos são realizados em diferentes distritos de Varsóvia. Durante a Primavera os jogos são realizados no exterior enquanto no Outono decorrem em pavilhões desportivos. A participação é livre de encargos porque o desporto não deve ser um privilégio. O evento decorre pelo divertimento e pela ideia e não pelas recompensas. Todos os participantes recebem medalhas comemorativas. Os(As) vencedores(as) recebem taças e, em algumas edições, alguns presentes extra.

Para além dos torneios, a Fundação para a Liberdade organiza treinos e jogos amigáveis, torneios de caridade e atividades para crianças refugiadas. Também publica manuais e organiza workshops, participa em festivais, feiras e outros eventos para promover o fair play.

Surpreendentemente esta modesta ideia de um torneio único transformou-se numa grande iniciativa desportiva intercultural, uma das mais reconhecidas na Europa Central e de Leste.

 

 

 

 

 

 

Social-educational initiative centre PLUS

sei.plius@gmail.com

Make it Better

info@mibworld.org

Ecos do Sur

ong@ecosdosur.org

 

 

 

The European Commission support for the production of this publication does not constitute an endorsement of the contents which reflects the views only of the authors, and the Commission cannot be held responsi¬ble for any use which may be made of the information contained therein.

 

© Copyright 2017-18 Wszystkie prawa zastrzeżone.