CibeRespeito

Organização

ONG Ecos do Sur, Instituto dos Direitos Humanos da Catalunha

Iniciativa

Projeto CibeRespeito

Local

ONG Ecos do Sur, Internet

Línguas

Espanhol

 

Grupo alvo

nacionais e imigrantes a residir em Espanha, todas as idades. ONGs, Escolas, Universidades

Recursos

Brochura "CibeRespeito”

Poster "CibeRespeito”

Materiais de formação "CibeRespeito”

Infográficos, vídeos, GIFs

Informação disponível em: http://www.ecosdosur.org/ciberespect

 

Descrição

O “CibeRespeito” é um projeto colaborativo que defende a criação de redes de suporte para analisar discurso xenófobo na Internet e suportar um ciberativismo de contradiscurso que refreie o impacto do discurso de ódio, alimentando um panorama digital de respeito, coexistência e coesão social que se repercuta no panorama da envolvência.

“CibeRespeito” propõe combater o impacto que o discurso de ódio pode exercer na opinião de uma audiência através de um processo de análise e de campanha permanente, suportado por um novo modelo de intervenção que articula o espaço físico e digital com o objetivo de otimizar esforços. Para isso projeta e consolida ações locais e relações próximas através do ambiente global digital, inspirando e acompanhando o nascimento de um agente social emergente: o ciberativismo como líder na batalha contra o discurso de ódio na Internet. O projeto começou em novembro de 201+6, liderado pela ONG Ecos do Sur em parceria com o Instituto dos Direitos Humanos da Catalunha e com a colaboração do SOS Racismo de Catalunha e Nações Unidas.

Com este projeto pretendeu-se alertar e agir para questões de agenda social e dos media, tais como:

• Porque é que a intolerância está sobre representada na Internet?

• Como é que podemos neutralizar o seu impacto sem limitar a liberdade de expressão?

• Qual é o papel dos embustes e das falsas notícias nas posições da opinião pública?

• De que forma é utilizado o poder inegável de mobilizar ódio para atacar a coexistência?

• Como é que podemos travar o seu impacto para nos proteger a nós próprios e à sociedade?

• Que estratégias inovadoras e contra narrativas podemos promover segundo o ciberativismo?

Dentro do projeto foram desenvolvidas diferentes ações complementares:

- Observatório de comentários das notícias de imigração publicadas pelos media;

- Mesas de trabalho com entidades sociais, centros educacionais e administração local, para detetar e analisar argumentos racistas no nosso meio envolvente;

- Formação em ciberativismo;

- Construção de argumentos contra o ódio xenofóbico;

- Intervenções em redes sociais e fóruns;

- Campanhas de consciencialização on e off line;

- Elaboração de materiais.

 

 

 

 

Social-educational initiative centre PLUS

sei.plius@gmail.com

Make it Better

info@mibworld.org

Ecos do Sur

ong@ecosdosur.org

 

 

 

The European Commission support for the production of this publication does not constitute an endorsement of the contents which reflects the views only of the authors, and the Commission cannot be held responsi¬ble for any use which may be made of the information contained therein.

 

© Copyright 2017-18 Wszystkie prawa zastrzeżone.